Minas Trend Preview 2016 – Verão – balanço

MINAS TREND: VERÃO/2016 SUPERA AS EXPECTATIVAS

Terminou nesta 6ª feira, 11/04, a 16ª edição do Minas Trend, uma das principais semanas de moda do País, que contou com 251 expositores – 46 marcas estreantes -, um crescimento de 5% em relação à última temporada de Primavera / Verão. O evento, promovido pela FIEMG – Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais, recebeu uma média de 15 mil visitantes, aí incluídos 5 mil compradores. Destes profissionais, mais de 750 são considerados com alto poder de decisão e compra.       VIVAZ Verão 2016 abril/2015 Foto: Marcelo Soubhia/Agência Fotosite

A expositora Debora Germani, da grife homônima de calçados, considerou a participação positiva mediante o cenário econômico, afirmando que o cliente comprou mais nessa edição por conta da qualidade do produto. Para ganhar competividade, a empresária afirma que as marcas estão “investindo muito na qualidade, estilo e conforto”, considerando que é uma forma de aumentar a competitividade dos produtos e superar as adversidades do momento.

Silvia Salles, da grife de bolsas Isla, registrou um crescimento de vendas da ordem de 25% em relação à temporada anterior. Afirmando que as participações nas 2 edições do Minas Trend são responsáveis por 50% de seu faturamento anual, a empresária julgou esta participação como uma “boa surpresa”, afirmando que “quando o cliente acredita no produto, ele investe”.

amana2

A fabricante de calçados Junia Gomes, diz que “mesmo num momento difícil para o País, a feira superou minhas expectativas e também os negócios realizados na edição Verão/2015”. A designer comemora a abertura de novos clientes, inclusive internacionais, e acredita que “toda ação positiva reflete no varejo rapidamente, sinalizando que as vendas vão esquentar, com certeza”.

Gerente Comercial da confecção Push Pul, Sarah Mesquita destacou a melhoria na qualificação do comprador presente nessa edição. “É um cliente que vem para comprar, de forma consciente e moderada, mas com foco nos negócios”. Segundo a executiva, a empresa também promoveu ajustes para se adequar ao mercado ao apostar em uma coleção “mais clean, com peças mais acessíveis”.

amana3

Em sua 4ª participação no evento, a grife Neusa Faria apostou em coleção de moda festa plus size, com numeração até o 52, para ganhar competitividade no mercado. Fabio Faria, sócio da empresa, considera que esta edição “atendeu plenamente as expectativas”, repetindo o volume de negócios obtido na temporada outono/inverno. O executivo destaca que ampliou a carteira com novos clientes dos estados de São Paulo, Minas Gerais, Pernambuco, Pará e Rondônia, estimando que a participação nas 2 edições anuais do Minas Trend corresponda a 50% do faturamento esperado para 2015.

Leonardo D´Avila, superintendente comercial da grife Tufi Duek, analisa que a primeira participação na feira abriu novos clientes, destacando as presenças de compradores do interior de Minas, Rio Grande do Sul e Nordeste. Para Leonardo, a alta do dólar vai colaborar para o crescimento do consumo interno podendo, inclusive, contribuir para um pequeno incremento do faturamento anual.

amana4

Compradores Internacionais

Um dos principais destaques dessa edição, que reforça o compromisso da FIEMG em estimular e apoiar ações de aumento das exportações da moda brasileira, foi a expressiva presença de compradores internacionais. Através da parceria com o projeto Texbrasil, representantes de grandes redes dos Emirados Árabes, França, Irlanda, Reino Unido, Austrália, Portugal e Canadá, marcaram presença no evento e deixaram impressões muito positivas sobre os produtos brasileiros. Outra ação com foco internacional, foi a rodada de negócios realizada pelo CIN – Centro Internacional de Negócios, que reuniu 27 compradores internacionais e registrou 177 agendamentos.

A compradora britânica Pamela Shiffer, por exemplo, achou a “feira foi muito produtiva, pois eu tinha grandes expectativas, e estou muito feliz pois consegui encontrar todos os produtos que estava procurando. Minha intenção é trabalhar mais intensamente com o mercado brasileiro, porque com ele posso levar produtos únicos e originais para os meus clientes”.

Abertura

Laure Segehomme, da empresa belga Fashionize Me, considera a “moda brasileira é incrível, colorida e vibrante. Um aspecto positivo é que o design dos produtos é bem interessante, diferente do que é oferecido na Europa, que são, geralmente, produtos mais sóbrios”.

Representante da empresa americana Ban Ke Lok, sediada nos Estados Unidos, Ana Smolka se diz “surpreendida pela organização do Minas Trend. Essa é a minha primeira participação no projeto e o meu objetivo era encontrar produtos de qualidade, basicamente, bijuterias premium. Durante a feira fechei bons negócios, porque gosto dos produtos brasileiros e com o dólar em alta é um bom momento para negociar”.

Abertura

A próxima edição do Minas Trend, que promoverá os lançamentos para o Outono/Inverno 2016, acontece em outubro, no Expominas, em Belo Horizonte.anovo55

Publicidade

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Políticas de Privacidade e Termos e condições, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.