Programa Uberlândia de Ontem e Sempre exibirá uma leitura dramática todo mês

QUADRO “AUTORES UBERLANDESES” GANHA NOVA TEMPORADA
A partir do dia 11 de junho, o programa Uberlândia de Ontem e Sempre apresentará a segunda temporada do “Autores Uberlandenses”. Após o sucesso da primeira temporada, a produção renova o quadro com a proposta de servir como canal de divulgação para escritores locais. A gravação da leitura dramática dos trechos aconteceu em um local aberto, com a participação do ator Ivens Tillman.
Veiculado mensalmente, o objetivo continua sendo a valorização dos autores que nasceram em Uberlândia, e também daqueles que vieram de fora e fizeram carreira na cidade. Ao todo, foram selecionados 12 trechos das obras desses escritores. O primeiro a ser veiculado é do autor Bosco de Lima.
Para a segunda temporada, a produção optou por um cenário externo, que transmitisse a conexão da literatura com a natureza. Os telespectadores poderão identificar neste cenário, diversos elementos que caracterizaram a sua parte lúdica.
Todos os episódios, após a exibição na TV, são disponibilizados online, pelo site www.uberlandiadeontemesempre.com.br. Para rever a primeira temporada completa dos “Autores Uberlandenses”, basta acessar esta plataforma. 
Lista dos escritores e das obras que participam do Autores Uberlandenses:
Ademar Inácio da Silva – Solidão e outras tristezas;
Andreana Oliveira – Uberlândia 20 autores, crônica “Extremos”;
Amauri José da Silva – Conhecendo o Cordel;
Aristides Luis Madureira – O lago e o viajante;
Bosco de Lima – O homem que parou de dormir;
Carlos Guimarães Coelho – Nau à deriva
Dorivaldo Alves do Nascimento – História de Uberlândia 112 anos;
Fernanda Resende – Poesia Impulsiva;
Ivone de Assis – O medo do escuro;
Marcelo Prado – Meu jeito de ver;
Rejanne Gussoni e Alice Gussoni – A história da menina que engolia sapo;
Renato Cabral – Uberlândia 20 autores, crônica “Para que eu não morra invisível”.
Sobre o Uberlândia de Ontem e Sempre
O Uberlândia de Ontem e Sempre é veiculado pela TV Universitária aos sábados, às 14h30, e pelo Canal da Gente aos domingos, às 20h. Ele busca em seus episódios resgatar memórias e valorizar personagens que marcam a história da cidade. O programa conta com a aprovação da Lei Estadual de Incentivo à Cultura de Minas Gerais. acau

Publicidade

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Políticas de Privacidade e Termos e condições, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.