“Ela é o cara” – peça para refletir sobre os males modernos – VERA FISCHER

“Gilberto Fonseca (Edson Fieschi) é um terapeuta de competência e caráter duvidosos. Após um incidente com um paciente famoso, ele se vê obrigado a administrar a repercussão negativa do caso,o assédio da imprensa e a fúria dos fãs do artista, que o culpam pelo ocorrido e estão ávidos por vingança. Sem saída e com a sua carreira fadada ao fracasso, Gilberto cogita vender sua alma ao “diabo”.

Neste exato momento, surge em seu consultório, Vera Fischer, que insiste em ser atendida. Com um evidente transtorno de personalidade, a famosa atriz insiste em dizer que não é Vera Fischer.

Diante da gravidade do quadro, Gilberto aceita atendê-la em troca de publicidade, na esperança de retomar sua carreira. Gilberto passa a viver um novo conflito: quem será a solução para os seus problemas ? O Diabo ou Vera Fischer? “Ela é o cara!”é uma reflexão bem-humorada sobre os males modernos da humanidade”.

acara

(foto em destaque – fonte UOL)

Publicidade

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Políticas de Privacidade e Termos e condições, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.